Tradutor / Translate

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Sapiens Parque recebe primeiro investimento privado da Softplan/Poligraph

O Sapiens Parque recebeu no dia 10 de janeiro um importante investimento para o desenvolvimento do setor da tecnologia em Florianópolis-SC. Com a presença do governador Raimundo Colombo, foi lançada a pedra fundamental da futura sede da Softplan/Poligraph, empresa de software de gestão. O ato consolidou a captação de investimentos no Parque que chegou aos R$ 100 milhões, com previsão de gerar aproximadamente três mil empregos diretos em áreas de inovação e tenologia.

Cerca de R$ 38 milhões serão investidos pela Softplan/Poligraph no empreendimento com 28 mil m2 de área total com capacidade para abrigar 1.200 colaboradores. A nova sede da empresa constitui o primeiro empreendimento realizado em parceria entre o Sapiens e o setor privado. A direção do parque de inovação realiza editais públicos para seleção de empreendedores interessados em investir na implantação de edificações nos terrenos disponíveis no local.

Ressaltando o espírito empreendedor dos catarinenses, o governador Raimundo Colombo reafirmou o apoio ao setor de inovação e tecnologia do estado. Na ocasião, também foram assinados contratos para novas edificações com as empresas Reason Tecnologia, Sustentar Engenharia e Neoway Soluções Tecnológicas. 

Somados aos projetos de centros de pesquisa e desenvolvimento em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), e outros empreendimentos com instituições parceiras, o Parque já contabiliza mais de 140 mil m2 em edificações em fases de planejamento, construção ou operação. Em paralelo, com apoio do Governo de Santa Catarina, a infraestrutura viária, de energia, iluminação e saneamento já está em implantação, consolidando as condições essenciais para implantação e funcionamento dos negócios.

Em uma área de 435 hectares, no norte da Ilha de Santa Catarina, o empreendimento deverá alavancar investimentos na ordem de R$ 2,43 bilhão, incluindo terreno, infraestrutura e prédios, gerando cerca de 27 mil empregos diretos e 33 mil indiretos ao longo dos próximos 10 anos.

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Retomada a obra do centro Multiuso de Canasvieiras com orçamento de 30 milhões

A construção da Arena Multiuso de Canasvieiras que vai melhorar o turismo na região e está parada há quatro anos deve retomar a obra em Janeiro de 2013. Segundo, o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte de Santa Catarina, Celso Calcagnotto “Quem passar por lá na temporada será testemunha da retomada dos trabalhos”, afirmou. 

A Caixa e o BNDES aprovaram o projeto após analisar quase 100 documentos em 2012 e agora, com aprovação da licença ambiental e alvará da prefeitura, a previsão é entregar a arena até o final de 2013.

Com investimento de R$ 30 milhões, sendo R$ 4 milhões da Caixa e o restante do BNDES via Pacto Por Santa Catarina, para construção de um espaço que abrigará centro de exposições, e outro de convenções com capacidade para até 10 mil pessoas, atendendo ao pedido da comunidade de movimentar o turismo de eventos no Norte da Ilha fora da temporada, quebrando a sazonalidade.